Equipe

“A” equipe

Aqui a maioria se conhece desde pequeno, cresceram juntos, correndo no bairro. Anderson Couto foi o primeiro a se render às tesouras. Depois que abriu o Majestic, jutamente com Carla Barraqui, foi puxando um por um. Incentivou a fazerem o curso de cabeleireiro, mostrou que a carreira era promissora e os trouxe para o salão. Esse talvez seja o segredo do Majestic. A equipe nasceu, se aperfeiçoou, ganhou experiência e segue aprendendo aqui. Não tem rodízio de profissionais, o que é bastante comum nesse mercado. No Majestic, todos começaram juntos e seguem juntos em torno de um mesmo ideal: deixar as mulheres poderosas!

anderson-couto

Anderson Couto

Ele queria ser militar, mas foi dispensado do exército. Foi aí que dois tios o incentivaram a trabalhar na barbearia deles. Pegou gosto pelas madeixas e decidiu que queria trabalhar com cabelos femininos. Ficou quatro anos em um salão em Botafogo antes de abrir o Majestic, em 2002. Aos poucos, seus cortes tornaram-se conhecidos. O boca a boca chegou até Letícia, que ligou e agendou um horário. Era Letícia Spiller. Anderson foi convidado para participar do programa SuperBonita, do GNT, e ganhou cada vez mais visibilidade. O trabalho rendeu o prêmio de Melhor Colorista do Rio de Janeiro. Daí foi um pulo para criar os cabelos mais desejados da televisão brasileira. Com uma forte influência do lifestyle carioca, ele é responsável pelos cabelos de quem não abre mão de um bom corte e de um look natural, com cara de “nasci assim”.

carla-barraqui

Carla Barraqui

Ela abandonou a carreira na área de informática para se dedicar à beleza. Começou com depilação, se aperfeiçoou e trabalhou com isso por anos. Inclusive quando abriu o Majestic, em 2002. Em um workshop de noivas, se rendeu à maquiagem. Foi o início da paixão pelos pincéis. Em 2010, passou a se dedicar exclusivamente à maquiagem e design de sobrancelhas. O resultado dessa dedicação toda está registrado nos álbuns de casamentos de dezenas de noivas, em capas de revista, em editoriais e até em um livro! Ela foi responsável pelo conteúdo técnico do livro Maquiagem. Técnicas, Referências e Atuação Profissional, da editora Senac. E se o que já é bom pode sempre ser melhorado, em 2016, a profissional foi para Nova York fazer um curso de especialização em maquiagem na Make Up For Ever.

adriana-copello

Adriana Copello

No Majestic desde 2008. Ainda adolescente, fazia mechas nos cabelos da prima. Aos 20, transformou o hobby em profissão e decidiu ser cabeleireira. Foi assistente de Anderson Couto.

celio-rodrigues

Célio Rodrigues

No Majestic desde 2013. Já foi militar, mas se encontrou mesmo no mundo da coloração com seus infinitos tons e nuances. Foi assistente de Anderson Couto.

danny-alves

Danny Alves

No Majestic desde 2007. É no corte que ela sente que tem mais liberdade para criar. Para Danny, cada cabelo é uma nova possibilidade de um resultado único.

fabio-marques

Fábio Marques

No Majestic desde 2008. Antes, trabalhou em uma fábrica de cosméticos. Entende de fórmula, de princípio ativo, por isso sabe exatamente que produto indicar para cada cabelo.

fabio-oliveira

Fábio Oliveira

No Majestic desde que abriu, em 2002. Começou aos 15, quando fez um curso de barbeiro. Adora conhecer as novas técnicas para adaptar ao seu próprio estilo e criar um cabelo mais autoral.

marcio-xavier

Márcio Xavier

No Majestic desde 2004. Corta cabelo desde os 17 anos, quando um amigo comprou uma máquina e a deixou com ele. Autodidata, se aperfeicou com workshops.